sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Eu sei que não é bem assim

As coisas têm melhorado progressivamente, a um ritmo muito lento mas não deixa de ser positivo. Tento percebê-lo, o que o aflige e o que o motiva, temos conversas intermináveis quando o vou deitar, por algum motivo é quando o sinto mais permeável e disponível para partilhar emoções e lá lhe vou conseguindo arrancar as frustrações, ao mesmo tempo que lhe dou resposta às suas intermináveis perguntas. 
Na noite anterior ao seu aniversário, queixava-se que o dia ia ser muito longo e talvez fosse melhor não ir à escola.
-Não ir amanhã?! É o teu aniversário, tens um bolo para levar e os amigos vão cantar-te os parabéns. Eu digo-te que vai ser um dia super divertido e cheio de surpresas, prometo! 
-Sabes, se tu não fosses minha mãe...
...
...
-Sim? Se eu não fosse tua mãe?
-... ia ser tudo muito difícil!
-Porquê?
-Porque eu só gosto de ti!

6 comentários:

  1. Oooohhhh!!! Derretem-nos o coração e fazem tudo parecer mais fácil!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tenho dúvidas que para mim seria muito mais difícil se ele não fosse meu filho. Enche-me de mimos.

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Os meninos... é tão diferente da irmã.

      Eliminar
  3. Oh ^^ que querido! Eu também costumo dizer isso à minha Mãe :P se não fosse ela, o que seria de mim :D as mães têm um dom para acalmar... é quase mágico ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso acontece porque temos um coração cheio de "filhos".
      Beijinho

      Eliminar

Dá cá bananinhas!