domingo, 20 de dezembro de 2015

Perfeccionismo

Festa de Natal da academia, chegámos e passado poucos segundos perdi macaquito de vista, pergunto por ele na sala onde os preparavam para o musical que iam apresentar, não estava. Volto à rua, encontro pai macaco e o avô que me dizem que ele não podia ter passado por ali, tinha de estar lá dentro, volto e encontro uma das educadoras.
-Viu macaquito?
-Sim, está lá dentro a chorar.
-A chorar? Mas porquê? Estava tão bem-disposto.
-Diz que não sabe tocar violino.
Rimo-nos as duas. 
Ia fazer de romeno na peça e tinha de tocar violino mas era tudo por mímica, entrou em pânico porque não sabia tocar. 
Depois, em palco, fez tudo o que lhe competia com lágrimas a correr cara abaixo, no final da parte dele correu para o meu colo, onde se acalmou aos poucos. Quando tudo terminou, voltou ao palco, roubou o microfone e disse na voz mais calma e doce:
-Muito obrigado a todos por terem vindo assistir a este lindo espectáculo.
A lágrima agora era minha e as palmas foram todas para ele.

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Mas tocou brilhantemente, nunca ouvi um violino imaginário soar tão bem.

      Eliminar
  2. Ai macaquito, fizeste lembrar-me uma coisa de há muitos anos atrás... e quem ficou aqui com a lágrima fui eu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu colo faz milagres, hoje é um pouco teu também.
      Beijos Uva

      Eliminar
    2. Feliz Natal minha querida Be, e para macaquitos pequenos e grandes o MUNDO!

      Eliminar
  3. Feliz Natal para toda a família do macaquito, e muita saúde para 2016.
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada, Ana. A família agradece com muita macacada. Feliz Natal!!

      Eliminar

Dá cá bananinhas!