segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Furto quase perfeito

Nos dias em que a Dona A vai a casa dos meus pais ajudar nas limpezas, é habitual que se sente com eles à hora do lanche. Da última vez, enquanto conversavam, o meu pai reparou em macaquito a rir-se sozinho na porta da cozinha com ar de quem estava a preparar alguma. E estava... 
Passado uns minutos, qual não é o espanto de Dona A quando olha para o seu copo de sumo e repara que estava vazio quando ela ainda nem tinha provado. No lugar do sumo estava uma palhinha que macaquito surripiou do copo das palhas no balcão e com a qual, sem ninguém se aperceber, bebeu o sumo da Dona A. Se tivesse tido a esperteza de tirar de lá a palha, haviam de ficar a pensar que o sumo evaporara.


De notar: estes comportamentos não são encorajados, muito pelo contrário mas rimo-nos a valer quando ele não está presente.

2 comentários:

Dá cá bananinhas!