quinta-feira, 7 de outubro de 2021

Começar o dia a rir

Fui levar macaquitos à escola pela manhã e deixei-os numa rua paralela à avenida defronte da escola porque não me arrisco a atravessar no caminho daqueles pais que acham que podem/devem/é obrigação entrar com as suas viaturas praticamente dentro da sala de aula. De dentro do carro, observei macaquita e o amigo atravessarem a passadeira em frente à escola, enquanto macaquito descia no passeio perpendicular para entrar num portão do lado oposto da escola. Quando, finalmente, consegui passar o cruzamento e descer a rua, ainda consegui vislumbrar macaquito que atravessava a passadeira acelerado, desengonçado e de braços no ar, assumi que provavelmente estaria também a praguejar bem alto pois conheço aquela expressão corporal como ninguém. Os carros parados à minha frente não me deixavam ter uma visão total da passadeira pelo que fiquei a magicar o que estaria a acontecer com o meu rebento mais palerma. Passados dez segundos lá percebi, é que mesmo atrás de macaquito seguia uma senhora com um cão de porte grande à trela. E ele, obviamente, estava a panicar. 


Sem comentários:

Enviar um comentário

Dá cá bananinhas!